sexta-feira, 27 de abril de 2012

Nomenclatura dos Compostos Orgânicos.


FUNÇÕES ORGÂNICAS
Na Química Inorgânica, as substâncias químicas com propriedades químicas semelhantes são agrupadas da seguinte maneira: ácidos, bases, sais, óxidos, entre outros.
Na Química Orgânica, os compostos orgânicos com propriedades químicas semelhantes constituem as Funções Orgânicas.
Uma característica importante dos compostos orgânicos pertencentes à mesma função é a semelhança no grupo funcional.
No exemplo acima os dois compostos orgânicos pertencem à mesma função pois possuem o mesmo grupo funcional denominado de carboxila:
Atualmente existem milhões de compostos orgânicos, agrupados em funções orgânicas específicas, e cada um deles deve ter um nome que o identifique. No início os compostos tinham seus nomes próprios, muitos estavam relacionados com a sua fonte de obtenção:

bullet ácido fórmico - proveniente da formiga (latim: formica = formiga);
bullet ácido acético - proveniente do vinagre (latim: acetum = vinagre);
bullet ácido propiônico - proveniente da gordura (latim: propium = gordura);
bullet ácido butírico - proveniente da manteiga (latim: butirum = manteiga);
bullet ácido valérico - extraído da raiz da planta valeriana;
bullet ácidos capróico, caprílico e cáprico - responsáveis pelo odor característico das cabras;
bullet ácido láctico - extraído do leite.
Durante pouco tempo, a Química Orgânica se desenvolveu muito rapidamente, originando milhões de compostos orgânicos descobertos em proporção exponencial. Com isso, necessitou-se do estabelecimento de regras de nomenclatura, visando o uso comum em todos os países. Para tanto, a IUPAC (International Union of Pure and Applied Chemistry) estabeleceu a nomenclatura oficial para os compostos orgânicos. Mesmo assim, muitos países ainda utilizam a nomenclatura usual que foram consagrados para alguns compostos.
NOMENCLATURA OFICIAL - IUPAC
Os compostos orgânicos recebem nomes oficiais que levam em consideração três aspectos:
bullet Prefixo: indica o número de átomos de carbono na cadeia;
bullet Intermediário: indica o tipo de ligação entre os átomos de carbono da cadeia;
bullet Sufixo: indica a função orgânica a que pertence o composto.
O quadro a seguir mostra, resumidamente as partes básicas da nomenclatura oficial para um composto orgânico:
NOMENCLATURA OFICIAL
PREFIXO
INTERMEDIÁRIO
SUFIXO
Nº DE CARBONOS
SATURAÇÃO DA CADEIA
FUNÇÃO
1C MET
2C ET
3C PROP
4C BUT
5C PENT
6C HEX
7C HEPT
8C OCT
9C NON
10C DEC
11C UNDEC
12C DODEC
13C TRIDEC
14C TETRADEC
15C PENTADEC
16C HEXADEC
17C HEPTADEC
18C OCTADEC
19C NONADEC
20C EICOS
SATURADAS AN
INSATURADAS
1 = EN
2 = DIEN
3 = TRIEN
1 IN
2 DIIN
3 TRIIN
1 = e 1 ENIN
HIDROCARBONETOS O
Grupo Funcional = C, H
ÁLCOOL OL
 
ALDEÍDO AL
CETONA ONA
ÁCIDO CARBOXÍLICO ÓICO
 
Exemplos:
1)- H3C – CH2 – CH3
Prefixo: PROP (3 átomos de carbono)
Intermediário: AN (ligação simples entre carbonos)
Sufixo: O (função: hidrocarboneto)
Nome: PROP+AN+O = PROPANO
2)-  H3C – CH2 – OH
Prefixo: ET (2 átomos de carbono)
Intermediário: AN (ligação simples entre carbonos)
Sufixo: OL (função: álcool)
Nome: ET+NA+OL = ETANOL
Prefixo: BUT (4 átomos de carbono)
Intermediário: AN (ligação simples entre carbonos)
Sufixo: AL (função: aldeído)
Nome: BUT+AN+AL = BUTANAL
Prefixo: PENT (5 átomos de carbono)
Intermediário: AN (ligação simples entre carbonos)
Sufixo: ÓICO (função: ácido carboxílico)
Nome: PENT+NA+ÓICO = ÁCIDO PENTANÓICO
Prefixo: PROP (3 átomos de carbono)
Intermediário: AN (ligação simples entre carbonos)
Sufixo: ONA (função: cetona)
Nome: PROP+AN+ONA = PROPANONA

Nenhum comentário:

Postar um comentário